Dúvidas frequentes

Clique aqui e tenha acesso aos principais serviços
pelo Setor de Atendimento do Core-SP.

Core-SP

Blog

Por dentro do mercado pet: oportunidades aos representantes comerciais

Setor já faz parte do PIB brasileiro e gera lucro mesmo durante a pandemia

Por: Setor de comunicação | 25/08/2022, às 12:23

Ter um animal de estimação é ter um companheiro para dividir a rotina: um relacionamento que não passa despercebido aos olhos da economia. O Core-SP convida você, representante comercial, a explorar o mercado pet, responsável por consolidar o Brasil como sexto maior polo mundial de negócios na área.

Da previsão à realidade, o levantamento da Euromonitor International (2021) indica que o faturamento nacional do setor pet cresceu 17,8% em 2020, a maior taxa entre os dez principais países do ranking. E não parou mais: o Instituto Pet Brasil aponta que o volume de vendas disparou 42,5% nos últimos dois anos, resultando em uma receita de R$51,7 bilhões no primeiro trimestre de 2022.

A mesma pesquisa, em 2021, contabilizou 149,6 milhões de pets nas casas brasileiras. Aliado à mudança comportamental dos donos, os animais aos poucos perdem o status de estimação para ostentar o de membros da família. Exemplo dessa relação são snacks que imitam receitas para humanos, que vão desde coxinha e bolo à strogonoff.

Mais do que passar do quintal das residências para as camas e sofás de seus donos, o novo perfil dos consumidores transformou consideravelmente a forma de cuidar dos pets: a preocupação com o bem-estar mudou o foco de tratamentos curativos para preventivos, que focam em qualidade de vida, conforto e até luxo para os bichinhos.

Oportunidades na área

A movimentação do segmento apresenta um cenário otimista para o investimento na área. Segundo a Abinpet (Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação) o mercado pet já representa 0,38% do PIB do país, ultrapassando setores voltados para bens domésticos e automação industrial.

Boas notícias aos representantes comerciais: dados do Instituto Pet Brasil (2022) revelam que 48% da indústria pet, em especial a área de vendas, é impulsionada pelos pequenos empreendedores. O setor é liderado pelo pet food, que responde por 55% das vendas totais e corresponde a um faturamento de R$ 28 bilhões.

É importante manter os olhos abertos a essas mudanças: elas estão revolucionando as relações de consumo no mercado pet e abrindo um universo de oportunidades para empreendedores no segmento. Estar atento às demandas dos donos e às características deste mercado fazem a diferença para se destacar nos negócios.

A indústria pet está em constante desenvolvimento na economia do país, passando de pouco profissionalizado em cada vez mais especializado. É uma via de mão dupla: as empresas apostam em tecnologia e alta performance para se destacarem, por outro, a capacitação dos trabalhadores eleva o setor a dimensões fora do tradicional banho e tosa.

Pet e pandemia: combina?

A relevância do mercado pet é tão significativa no cenário nacional que nem mesmo a pandemia foi capaz de frear o setor. Em meio a queda de vendas e dificuldades impostas pela crise que acompanhou a doença, a indústria pet superou as expectativas com uma alta de 27% no faturamento em 2021, conforme dados do Instituto Pet Brasil.

E não para por aí: segundo a União Internacional Protetora dos Animais (UIPA), a procura por adoção de pets aumentou 400% durante os primeiros meses de isolamento da pandemia – uma demanda que gera a busca por diversos tipos de cuidados com saúde, conforto e bem-estar.

Não faltam oportunidades no setor. Ainda conforme o censo do Instituto Pet Brasil, 2021 marcou o aumentou de empregos na área, quando mais de 2,83 milhões de profissionais passaram a atuar direta ou indiretamente na indústria pet, em especial, nos segmentos: pet food (alimentação), pet care (cuidados), pet vet (serviços veterinários) e pet serv (serviços).

Representante, no Balcão de Oportunidades do Core-SP você encontra anúncios de vagas nos mais diversos segmentos, inclusive pet, vale a pena conferir e fazer parte de um mercado que só tem a crescer!



Como podemos melhorar?

Tem alguma sugestão, critica ou elogio? Algo que gostaria de comentar? Sentiu falta de algum serviço que o Core-SP pode oferecer?

Nosso objetivo é de aprimorar os serviços oferecidos para que possamos lhe atender cada vez melhor. Ajude a construir um novo Conselho!

Email: comunicação@core-sp.org.br

Coletamos dados exclusivamente para atendimento das atividades finais desta autarquia, e para funcionamento de serviços de legítimo interesse do usuário de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.